Dados vão definir o sucesso dos seus negócios

O gerenciamento de dados abrange desde a concepção da arquitetura do dado, passando por aspectos de identificação, classificação, garantia de qualidade, armazenamento, desenvolvimento, controle de acesso, segurança e análise, até por fim alcançar a governança de dados, englobando dados estruturados ou não estruturados.

Diante de um cenário de negócios em constante evolução e níveis de incerteza sem precedentes, é mais vital do que nunca que os líderes de inovação, tecnologia e gestão criem novos caminhos para permitir uma análise de dados e cultura centrada em suas organizações: o data-centric view.

Os líderes de dados e análise devem ser capazes de vincular dados e estratégia de análise aos resultados de negócios e promover a adoção de tecnologias, como inteligência artificial (IA), ao mesmo tempo que criam uma cultura resiliente que acelera a mudança e onde a alfabetização de dados, confiança digital, governança e o pensamento crítico baseado em dados é generalizado.

Um estudo realizado pela Splunk, com 2.300 líderes de TI e de negócios, revelou que apenas 14% estão prontos para trabalhar com dados, contra 86% que afirmam que não estão, e, 8% que acreditam que estarão em breve.

As análises de dados têm assumido um papel de extrema importância nas estratégias corporativas. Elas são capazes de proporcionar verdadeiras mudanças nos processos de negócios e até mesmo nas estruturas corporativas. Portanto, para que sejam utilizadas de forma estratégica pelas empresas, é necessário que os resultados das análises sejam utilizados não apenas pela equipe de TI, mas por todos os departamentos. Para isso, as empresas devem desenvolver uma cultura voltada para dados, em que todos os colaboradores vejam a importância de se adotar as análises em seu dia a dia.

Monetizar dados tem se tornado uma alternativa cada vez mais relevante em um contexto de crescente competição, no qual a empresa trabalha sob imensa pressão para encontrar novas fontes de receita. Trata-se antes de obter valor a partir de um insight, resultado ou associação. Hoje, com o avanço da transformação digital, quase todas as empresas têm acesso a uma grande quantidade de dados sobre suas cadeias de suprimentos, operações, parceiros estratégicos, clientes, concorrentes, etc.

As principais funcionalidades de gerenciamento de dados (como criação de perfis de dados, catálogos de dados, gerenciamento de metadados, integração de dados, etc.) agora estão disponíveis em diversos aplicativos e ferramentas de gerenciamento de dados. A distinção entre eles está cada vez menos clara, o que gera confusão no mercado.

A 2ª edição do Data Management Forum vai discutir como criar uma estratégia de uso orientado por dados para desenhar novos modelos de negócios, serviços e produtos, ou mesmo aprimorar os já existentes, com o intuito de diversificar e ampliar os fluxos de receita das organizações.

Se a sua empresa quer melhorar a competitividade, precisa investir em uma boa gestão de dados, elemento fundamental de um processo decisório de sucesso.

O Data Management Forum vai abordar temas como:

* Gerenciamento de dados em uma organização envolve uma ampla variedade de tarefas, políticas, procedimentos e práticas. Como escolher e conhecer as diferentes plataformas de gerenciamento de dados?

* Big Data reserva infinitas possibilidades que, quando bem gerenciadas, facilitam os processos das corporações, com baixo custo e elevada eficiência. E vai além do volume de dados, como o desafio em trabalhar com dados descentralizados, não estruturado, bases de dados desatualizadas, dados duplicados, excluídos, etc. Além de exigir requisitos de infraestrutura, adoção de nuvem, entre outros parâmetros.

*Analytics e Inteligência Artificial – como definir as soluções adequadas para se obter para se obter o melhor resultado para a sua organização.

* Data Lake – com altíssimos volumes de dados armazenados nesse ambiente, é natural que exista a possibilidade de não mais se compreender o que está ali dentro se não houver uma organização adequada. Portanto, os processos de implantação desse tipo de solução exigem que venham alinhados em conjunto com projetos de governança e segurança, evitando riscos e acelerando a entrega de resultados.

* Segurança da informação – com a entrada em vigor da lei de proteção de dados, é esse essencial que as instituições implantem a cultura e as tecnologias que atendam as premissas legais exigidas, sob pena de pesadas penalidades.

*Armazenamento, Backup e Disaster Recovery – Os dados são cada vez mais críticos para as empresas. A perda de informações pode levar até mesmo ao fim das operações de uma organização. Por isso práticas sólidas de gerenciamento e um sistema robusto, quer on premisses ou na nuvem, são essenciais, para garantir a continuidade dos negócios.

Na economia digital de hoje, saber gerenciar os dados tem implicações para a estratégia competitiva e para o futuro das organizações.

PÚBLICO ALVO:

Um evento voltado para profissionais que usam dados para geração de insight e decisões de negócios; líderes em soluções que envolvem administração de dados, administração de infraestrutura, administração de big data, administração de banco de dados, análise e arquitetura de business intelligence, qualidade de dados, arquitetura de dados, analytics, master data management, data mining, marketing, user experience, governança de dados, segurança de informação e proteção de dados, jurídica e compliance, entre outras.

Patrocínio Platinum
Patrocínio Gold

Patrocínio Silver

Apoio

Parceiro Institucional

Realização